Mestres da Grande Fraternidade Branca

Criei este blog para postar mensagens, canalizações e ensinamentos dos Grandes Mestres de Luz, para trazer conhecimento e amor através de sua Sabedoria!
Sejam bem vindos!

quarta-feira, 24 de novembro de 2010

Sobre Compaixão e Amor




Sobre compaixão e Amor

Os Mestres de Luz ensinam que as Armas mais poderosas de um Guerreiro da Luz são: O Amor Incondicional e a Compaixão.
Estes sentimentos são tão poderosos que podem acabar com qualquer energia de baixa vibração.
São expressões de nobreza do SER. São Armas de Luz tão poderosas quanto qualquer coisa que um ser humano pudesse imaginar. As energias destes sentimentos geram LUZ ao espírito de quem as manifesta; de forma que é possível operar a Cura de qualquer mal. Quando falo sobre Cura, não me refiro somente á Cura do corpo físico e sim da Cura Energética; que é onde tudo começa.
Muito se fala atualmente sobre Pedofilia e Abuso Sexual. Mas ninguém fala sobre outro tipo de abuso muito comum também, desde os tempos mais remotos e menos perceptível do que se possa imaginar: O Abuso Emocional. Este é menos notado porque é silencioso. Porque acontece geralmente através de “Laços de Família”, Relacionamentos Amorosos ou ainda de Amizades. É torpe, cruel e inescrupuloso também, assim como acontece com casos de Pedofilia, porque vêm de pessoas queridas como Mães, Pais, irmãos, Maridos e Amigos queridos.
Infelizmente, estas pessoas encontram as suas vítimas muito facilmente, porque são muitas vezes pessoas com “bom coração”, que querem ajudar; que pretendem dar de si o que possuem de melhor para criar um ambiente de Amor e Paz. Querem ver sorrisos ao seu redor. Querem ver Luz nos olhos das pessoas que amam. Por isso, estão completamente desarmadas, abertas aos relacionamentos; talvez porque se sintam só e terminam dedicando a maior parte de suas vidas em “SERVIR” a estas pessoas. Seus agressores podem vê-las como frágeis e manipuláveis e começam a usar as armas mais sórdidas, como chantagens emocionais ou até grandes manifestações de reconhecimento; pois isto, com certeza irá distrair suas vítimas por um longo tempo. Até que não se consiga mais sair deste círculo vicioso de exigir e ser cumprido. Onde os Laços Afetivos não podem mais ser cortados, pois existem responsabilidades. Vocês podem chamar isso de KARMA, mas eu chamo de abuso emocional; pois o Karma na maioria das vezes acontece inconscientemente e o abuso emocional não.


Usem suas Armas:

Lembra o que disse acima sobre Amor e Compaixão?
Pois é, se não conseguem quebrar os Laços que os prendem; direcione sua energia para coisas Nobres como, cuidar de uma criança; pois estas até certa idade são levadas somente por seu EU SUPERIOR e são puras em seus sentimentos. Podem cuidar de um animalzinho; dedicar-lhe tempo e atenção cuidando de sua alimentação e saúde. Brinque com eles!
Ajudem pessoas de alguma forma, pessoas que realmente precisam de ajuda e são humildes o suficiente para aceitar ajuda e colaboração. Reze por elas toda noite ao deitar.
Quando virem alguém nas ruas em situação de sofrimento e abandono, invoquem a CHAMA VIOLETA da Transmutação e a Poderosa Presença da MÃE Kuan Yin que é a Deusa da Compaixão. Visualize ao redor destas pessoas os Raios: Violeta, Rubi com dourado e Rosa e Comandem as Potências de Luz que venham em amoroso auxílio àquelas pessoas ou situações.
Comecem a lutar desta forma. Canalizem o máximo de suas energias desta forma e sigam suas vidas. Nós seres humanos estamos aqui em Lição. Vamos passar por isso com Dignidade. Vamos viver nossas vidas de maneira nobre e sabendo reconhecer nosso valor pessoal.
No meio do caminho certamente você vai encontrar críticas. Mas lembre-se que é muito fácil julgar. E se você passa por algo assim; só você terá real idéia do tem vivido. Tenha Compaixão por si mesmo e não se culpe!
Simplesmente viva o que tem para viver de forma digna. Fiquem na Luz dos Mestres!

Daisy Gaia

domingo, 3 de outubro de 2010


Ritual para Prosperidade com interseção de Mãe Maria

A Prosperidade deve ser vista como um direito por nós adquiridos; pois, todo ser humano tem direito á abundancia e prosperidade. Vamos partir do princípio que todo pai só deseja o melhor para seus filhos; sendo assim, não existe razão para atribuir “culpa” a Deus por nossos fracassos financeiros.
Ao contrário disso, devemos seguir os conselhos do Arcanjo Miguel em suas instruções canalizadas por Ronna Herman, que diz que devemos aprender agradecer; que o agradecimento tem um poder ilimitado e com uma simples oração formulada com o coração podemos mudar completamente nossa vida não só financeira como em todos os aspectos. Seguindo o ensinamento do Arcanjo Miguel, deve-se sempre dizer que tudo que quisermos deve ser para o bem mais elevado de todos os envolvidos.
Você pode fazer uma Oração sincera agradecendo os resultados que obterá em curto espaço de tempo; mas, você deve confiar no Espírito ( DEUS) e em sua própria capacidade de observar as” Janelas de Oportunidades” que irão se abrir para você. Pode também, pedir à Mãe Maria, a cura de sua vida financeira. Lembre-se que Ela trabalha no Raio Verde da Cura e da Verdade e opera a cura não só na Saúde como também em todos os campos de nossas vidas. Não é necessária nenhuma grande preparação para isso. Os Mestres de Luz nos conhecem através de nosso coração. Eu, particularmente, gosto de ascender um incenso e colocar uma música suave para proporcionar um ambiente mais tranqüilo. Darei abaixo um exemplo de invocação que você pode usar.

Invocação ao Raio da Cura

Eu comando neste momento o meu EU SUPERIOR para que minha vibração de energia se eleve e seja capaz de atrair pensamentos positivos e elevados.
Eu reverencio o Raio da Cura e todos os seus Representantes para que com sua Presença de Amor possa preencher de Luz a minha Vida. Eu Sou, Eu Sou, Eu Sou!

Invocação à Mãe Maria

Amantíssima Mãe do Mundo; reverencio seu poder de Amor e Luz e peço que conceda cura á minha vida financeira, para que eu me torne um ser humano próspero e feliz e assim, possa fazer o bem a todos que necessitarem de minha ajuda e colaboração. Quero ser um emissário de alegria e felicidade e que isto se realize agora para o bem mais elevado de todos.
Eu Sou, Eu Sou, Eu Sou!

sexta-feira, 1 de outubro de 2010

EU SOU!


EU SOU!

A vida, em todas as suas atividades, onde quer que se manifeste, representa Deus em Ação. Devido ao desconhecimento de como aplicar o pensamento-sentimento, os humanos interrompem a passagem da Essência de Vida.Ricardo Chioro
Se assim não fosse, a vida expressaria sua perfeição, com toda naturalidade, em todos os seus momentos.A tendência natural da vida é o convívio com o Amor, a Paz, a Beleza, a Harmonia e a Opulência.É indiferente para a própria vida, se vós utilizais ou não destes benefícios. Mas eles continuam surgindo, mais e mais, para manifestar sua perfeição, sempre com o impulso vivificador que lhes é inerente.
Eu Sou
“Eu Sou” é a atividade da vida. É inacreditável como os estudantes mais sinceros nem sempre chegam a captar o verdadeiro significado destas duas palavras!Quando dizeis “Eu Sou”, sentindo profundamente, contatais a Fonte da Vida Eterna, para que ela transcorra, sem obstáculos, ao longo do seu curso. Assim, abris amplamente a porta para seu fluxo natural.Quando dizeis “Eu não sou”, fechais a comporta que gera o fluxo desta Magna Energia.
Eu Sou” é a plena atividade de Deus.
Coloquei em vossa frente, infinitas vezes, a verdade de Deus em Ação. Quero que compreendais que a primeira expressão de todo ser individualizado, em qualquer lugar do Universo, seja em pensamento, sentimento ou palavra, é “Eu Sou”, reconhecendo, assim, Sua própria vitoriosa divindade.
O estudante que busca, ao tentar compreender e aplicar estas poderosas leis, tem que manter estrita vigilância sobre seus pensamentos e atitudes. Porque, quando se pensa ou diz: “Não Sou”, “Não Posso” ou “Não Tenho”, está sufocando a Magna Presença Interna, mesmo que inconscientemente, de forma tangível, como se colocasse as mãos ao redor do pescoço de alguém impedindo sua respiração. A diferença desse gesto, na forma externa, é que podeis, com o pensamento, governar vossas mãos e afrouxá-las a qualquer momento. Quando alguém faz uma declaração de “não ser”, “não ter” ou “não poder”, coloca em movimento a energia ilimitada, que continua atuando, até que seja anulada e transmutada sua ação. Isto mostra o enorme poder que tendes para qualificar, ordenar e determinar a forma em que desejais que atue a Grande Energia de Deus.
Digo-vos, amado estudante, que dinamite é menos perigosa. Uma carga de dinamite desintegraria vosso corpo, enquanto que pensamentos ignorantes, lançados sem controle, travam a roda da reencarnação indefinidamente (1).
Enquanto dure um decreto sem ser detido, transmutado e dissolvido, o mesmo continuará imperando “per secula seculorum”, por disposição do próprio indivíduo!
(1) A humanidade deve ser informada que as pessoas, morrem e reencarnam, na maioria das vezes, nas cidades onde moravam, porque constituíram raízes que as atraem ao mesmo lugar. O estudante que busca, ao reencarnar deve dar a seguinte ordem: Na próxima vez, nascerei em uma família de Luz. As portas do progresso, lhe serão abertas imediatamente, tão só pela sinceridade deste pedido.
Vede, então, quão importante é que saibais o que estais fazendo ao usar atitudes incorretas, mesmo que impensadamente. Estareis empregando o mais potente e Divino Princípio da Atividade no Universo, o “Eu Sou”.
Compreendei, não se trata de apenas uma atividade, idéia oriental, estrangeira, vã ou leviana, nem de eventual exagero. Trata-se do mais alto Princípio da Vida, usado e expressado através de todas as civilizações que tenham existido. Lembrai-vos primeiro, que toda forma de vida, consciente de si mesma, expressa o “Eu Sou”, que é muito mais do que o simples “eu existo”.
Em seu contato com o exterior, com atividade incorretamente qualificada, o estudante pode aceitar coisas inferiores ao “Eu Sou”.
Amado discípulo, quando dizeis: “eu estou enfermo”, deliberadamente invertis a perfeição que contém o processo vital. Estais batizando com algo alheio o que o “Eu Sou” não possuiu?
Através de muitos séculos de ignorância e incompreensão, a humanidade carregou falsos conceitos que deterioraram até a atmosfera que a rodeia. Devo então, repetir que, quando anunciais “estou enfermo”, enunciais uma flagrante mentira com relação à Divindade. Ela (o Eu Sou) jamais conhecerá a doença. É sempre plena de Saúde e Vida.
Peço-vos, amado estudante, em nome de Deus, que cesseis de empregar falsos termos em relação à Divindade, pois é impossível que tenhais liberdade, enquanto os continueis usando.
Sempre insistirei para que, verdadeiramente, reconheçais e aceiteis a Magna Presença de Deus “Eu Sou” , pois assim, não tereis mais condições adversas.
Suplico, em nome de Deus, que cada vez em que vós encontreis dizendo que estais doente, pobre ou em situações adversas, instantaneamente invertais esta condição fatal, declarando mentalmente, com toda a intensidade de vosso “Eu Sou”, que tens saúde, opulência, felicidade, paz e perfeição.
Cessai de dar poderes à condições externas, pessoas, lugares e coisas, pois o “Eu Sou” é o poder de reconhecer a perfeição em cada um e em todas as partes.
Quando pensais na expressão “Eu Sou”, significa que já sabeis que tendes Deus em Ação, atuando em tua vida. Não permitais que falsas avaliações, conclusões e palavras, continuem governando e limitando-vos. Lembrai constantemente: Eu Sou Vida, Opulência e Verdade, já manifestadas em Mim.
Assim, lembrai-vos desta Presença Invencível, mantendo a porta aberta para que Ela (a presença Eu Sou) mostre, em vossa manifestação externa, toda a Sua Perfeição.
Excluí de vossos pensamentos a crença de que, se continuais a usar decretos errados, de alguma maneira a vossa vida melhorará ou manifestará coisas boas. É impossível que isto aconteça. Nos pastos, usam-se ferros para marcar as reses. Eu gostaria de poder marcar-vos com um outro ferro, o ferro incandescente do amor, que fixasse em vossa consciência o “Eu Sou” e que não pudésseis fugir do uso constante desta Grande e Gloriosa Presença que sois.
Quando qualquer condição imperfeita aparecer em vossa experiência, declarai veementemente, que não é verdade; que aceitais, somente a Deus e à Perfeição, em tua vida.
Cada vez que aceitais as falsas aparências, fazeis com que elas se expressem e se manifestem em tua vida.
ISTO É UMA LEI comprovada plenamente. Hoje, a ti concedo, para libertar-te.
Entre vós há a crença de que é suficiente apenas não acreditar na antiga idéia de “bruxaria”, para estar livre dela. A bruxaria não é senão o incorreto uso dos poderes espirituais. Ela é constituída pela inversão dos poderes usados para o bem.
Hoje em dia, bruxarias são empregadas por inúmeros políticos, usando o poder mental qualificado.
Se essa força, usada em sentido inverso por aqueles que ocupam cargos públicos, fosse empregada desta forma positiva, não somente os libertaria, como também, preencheria o mundo político de liberdade e justiça. Viveriam os humanos em um mundo natural, onde a Ação de Deus predominaria em todos os momentos.
Como foi no Egito antigo, assim é hoje: Aqueles que usam mal o poder da mente, ausentam a harmonia, encarnação após encarnação. Exorto a que estabeleçais o seguinte propósito: “Eu não aceito, nem adoto condições de ambiente alheio, nem de coisa que me rodeia, não provenientes de Deus, do Bem e do meu Eu Sou”.
Precisais adquirir o hábito de governar vossa energia.
Sentai, várias vezes ao dia, e aquietai-vos. Acalmai vosso ser externo.
Isto permitirá que vós suprais com a devida energia. Aprendereis a ordená-la e a controlá-la. Para que ela (vossa energia) esteja calma, aquietai-vos, enfrentando os pensamentos que surgirem em tua mente, elevando-os à altura do teu “Eu Sou”.
O estudante que busca, deve estar alerta para reconhecer seus próprios erros. Não deve esperar que alguém aponte seus defeitos. Mas, se assim acontece, deverá aceitá-lo com humildade.
Deve examinar-se e eliminar tudo aquilo que não seja perfeito. A forma de conseguir este objetivo, é declarando que não se têm hábitos que não estejam em total harmonia com Deus.
Logo, sendo Eu criação de Deus, sou seu Filho Perfeito.
Isto traz uma libertação impossível de conseguir de qualquer outra forma.
Lembrai-vos: ninguém pode fazer nada por vós, deveis fazê-lo por vós mesmos.

Neste trabalho, neste ensinamento e nesta radiação, todas as coisas velhas do indivíduo, saem para serem consumidas.
Antes de queixar-vos das coisas que experimentais, em vós e em vosso mundo, lembrai-vos que elas podem ser transmutadas.
Tende cuidado em não fixar a atenção naquelas coisas das quais quereis livrar-vos. Não deveis lembrar daquilo que não deu certo.
Não é maravilhoso que, depois dos séculos em que estivestes construindo limitações, possais, em pouco tempo, extirpá-las, conquistando a liberdade através de teu próprio esforço?
A forma mais rápida de conseguir esta conquista é empregando o humor. A sensação leve que dá a alegria, permite maravilhosas manifestações.
Se vos empenhais em invocar a Lei do Perdão, podeis consumir todas as más criações do passado com a Chama Violeta Transmutadora e, sereis livres.
Deveis ter consciência de que a Chama Violeta é a Ativa Presença de Deus agindo.
Quando sintais desejo de fazer algo construtivo, esforçai-vos, com toda a força interior, para conseguí-lo. Mesmo que não presencieis a manifestação imediata, não vós preocupeis, pois os frutos virão, inevitavelmente.
O trabalho de um Mestre é que o discípulo compreenda o que significa aceitar. Aquilo que o indivíduo aceita, estipula as mudanças que ele fará em sua vida. Se ele prende sua atenção em uma coisa, está fazendo ou unificando-se com ela, identificando os erros e substituindo-os pelos elevados conceitos mostrados na Senda da Verdade. Quando a mente aceita alguma coisa ou condição, está decretando mudanças em seu mundo interior.
Por acaso, acreditais que um homem, que vê uma perigosa serpente caminha deliberadamente para ela, permitindo o bote? É claro que não! Pois é isto que fazem os discípulos quando permitem que sua atenção retorne aos antigos problemas.
A atividade interior governa de acordo com o Plano da Perfeição. A atividade exterior, quando a deixamos agir desgovernada, sempre nos conduz ao erro. Quando um quadro construtivo se ilumina em vossa mente, torna-se realidade. E essa realidade surge sempre que mantiverdes esse quadro em vossa lembrança.
Sabei que é possível fazer tão consciente a Presença de Deus, que, a qualquer momento, podereis ver e sentir Sua Radiação derramando-se plenamente em vós.
Para tudo o que não quer o estudante demonstra a confiança no mundo exterior. Por isso, para que se concretize o ele deseja, deve confiar na materialização do que já foi elaborado no plano espiritual. Deve sempre acreditar em si mesmo, colocando em prática estes ensinamentos, intensificando esta atividade.
Eu Sou Saint Germain.

CONTATANDO A GRANDE FRATERNIDADE BRANCA



Um ritual para você contatar as energias dos Mestres e dos Raios, obtendo equilíbrio e proteção

Procure um lugar tranqüilo, onde você não seja incomodado, para realizar diariamente o seu ritual. Para deixar o ambiente mais aconchegante, acenda velas e incenso e coloque uma música suave ao fundo (que pode ser clássica, sacra ou new age). Em seguida, siga passo a passo as etapas do ritual.

1. Leitura da Grande Invocação
Do Ponto de Luz na Mente de Deus
Flua a Luz às mentes dos homens
Que a Luz desça à Terra
Do Ponto de Amor no Coração de Deus
Flua Amor aos corações dos homens
Que o Cristo volte à Terra
Do Centro onde a Vontade de Deus é conhecida
Que o Propósito guie as pequenas vontades dos homens
O Propósito que os Mestres conhecem e servem
Do Centro a que chamamos Raça dos Homens
Que se manifeste o Plano de Luz e Amor
E sele a porta onde se encontra o mal
Que a Luz, o Amor e o Poder
Restabeleçam o Plano Divino na Terra
Hoje e por toda a eternidade
(Mantra OM 3 vezes)

2. Ligação com o Eu Superior ou Presença EU SOU
Respirando profunda e lentamente, visualize 8 metros acima da cabeça uma luz branco-dourada como um sol ou uma estrela pessoal. Desse ponto de luz desce um cone ( ou manto) de luz branco-dourada muito luminoso. Faça uma entrega consciente a esta luz afirmando 3 vezes:"Estou entregue ao Eu Superior" .Peça a esta presença luminosa que oriente e conduza sua vida e faça a afirmação abaixo mantendo a visualização.

Do manto de luz da Presença Eu Sou
Desce o fogo sagrado sobre meus corpos
Tornando-me um campo de luz
invulnerável, invencível e invisível
A sagrada proteção do Eu Sou
Sustenta-me em luz e eleva-me ao Pai
Eu Sou Luz... Eu Sou Luz... Eu Sou Luz...


3. Pedindo a Proteção Divina ao Arcanjo Miguel
Respire profundamente e mentalize Luz Azul Celeste de vários matizes nas situações abaixo:
1ª Visualização: Envolva-se completamente num fogo azul e diga:
Arcanjo Miguel... Arcanjo Miguel... me envolve agora no Fogo Azul (3 vezes)

2ª Visualização: Um tubo de luz azul-cobalto vai se fechando sobre você. Diga:
Arcanjo Miguel... Arcanjo Miguel... me fecha num Tubo de Luz Azul (3 vezes)

3ª Visualização: Um anel de luz azul intenso e brilhante em torno de você. Fale:
Arcanjo Miguel... Arcanjo Miguel...sela tudo no Raio Azul (3 vezes)

4. Despertando o centro cardíaco com a Chama Trina
Respire e mantenha a atenção centrada no coração. Mentalize essa região do seu corpo levemente aquecida.

1. Visualize primeiramente uma chama rosa se instalando no coração e respire profundamente para ancorá-la afirmando:
Eu Sou o Amor, Eu Sou o Amor, Eu Sou o Amor
Que tudo envove na Chama Rosa

2. Visualize agora uma chama azul se instalando no coração, respire e afirme:
Eu Sou a Fé, Eu Sou a Fé, Eu Sou a Fé
Que tudo movimenta no Raio Azul

3. Visualize uma chama amarela-dourada brilhando no coração e respire fundo afirmando:
Eu Sou a Sabedoria, Eu Sou a Sabedoria, Eu Sou a Sabedoria
Que tudo conhece na Luz Dourada

4. Para completar o exercício, visualize as três chamas entrelaçadas e repita as afirmações:
Eu Sou Amor... Eu Sou Amor... Eu Sou Amor
Que tudo envolve na Chama Rosa
Eu Sou a Fé... Eu Sou a Fé... Eu Sou a Fé
Que tudo movimenta no Raio Azul
Eu Sou a Sabedoria... Eu Sou a Sabedoria... Eu Sou a Sabedoria
Que tudo conhece na Luz Dourada

5. Alinhamento dos chacras
Respire lenta e profundamente e mantenha-se num estado bem relaxado.
Visualize à sua frente uma escada colorida e luminosa. Aos poucos vá subindo degrau por degrau e focalizando luz na parte do corpo conforme o indicado:

1º degrau - luz vermelha clara, focalize o chackra básico
2º degrau - luz laranja forte, focalize a região do umbigo
3º degrau - luz amarela, focalize o plexo solar
4º degrau - luz verde esmeralda, focalize o cardíaco
5º degrau - luz azul-turquesa, focalize a garganta
6º degrau - luz azul royal forte, focalize a glândula pineal e o 3º olho
7º degrau - luz violeta, focalize o coronário
8º degrau - luz rosa-magenta forte no corpo todo
9º degrau - luz perolada ou marfim no corpo todo
10º degrau - luz rosa-pêssego no corpo todo
11º degrau - luz branca-prata no corpo todo

Finalize com as afirmações:
Eu Sou Luz, Eu Sou Luz, Eu Sou Luz
O Amor dos Mestres me conduz à Harmonia
O Amor dos Mestres me conduz ao Equilíbrio
O Amor dos Mestres me conduz á Perfeição
Eu Sou Luz... Eu Sou Luz... Eu Sou Luz

6. Auto-cura com a Chama Verde
Respire profundamente e visualize-se sentado dentro de uma pirâmide verde-esmeralda. Ao mesmo tempo, envolva-se num fogo verde de vários tons. Imagine que suas mãos se transformam em mãos de luz e com elas você vai tocando partes e órgãos do corpo que quer curar, restaurar, equilibrar. Enquanto visualiza a auto-cura vá pronunciando devagar e de forma mântrica: Hilarion, Hilarion, Hilarion. Finalize o exercício com o apelo:
Amado Mestre Hilarion
Mantenha a Verdade e a Cura
Registradas em meus corpos e ao meu redor
Eu Sou a Verdade, a Consagração e a Cura
Eu Sou a Verdade, a Consagração e a Cura
Eu Sou a Verdade, a Consagração e a Cura

7. Transmutação com a Chama Violeta
Visualize-se dentro de uma chama violeta. Ela tem uma tonalidade bem intensa na região dos pés e, à medida que sobe pelo corpo, torna-se mais clara e vai se abrindo no peito e na cabeça. A Chama Violeta rodopia em torno de você. Enquanto visualiza, faça o apelo:

Amado Saint Germain
Descendei a Chama Violeta e
Transmutai, transmutai, transmutai
As vibrações discordantes de meus corpos
Na mais pura luz divina
Eu Sou um ser de Fogo Violeta, Eu Sou a pureza que Deus deseja (3 vezes)

8. Perdoando na Chama Lilás
Para este exercício, peça as irradiações da Mestra Kwan Yin. Visualize-se entrando num grande salão todo lilás - com flores, cortinas delicadas e toda a decoração nessa cor. Do alto pende um foco de luz lilás que a tudo envolve. Imagine que você se encontra para conversar com pessoas que precisa perdoar ou pedir perdão. Vá perdoando e dando o seu perdão para soltar mágoas, ressentimentos e situações cármicas.

Eu Sou a Lei do Perdão
Eu Sou a Luz de Deus perdoando, perdoando, perdoando
Todos os erros passados, pessoas, lugares, condições ou coisas
Que me tenham feito mal ou eu a elas,
De qualquer modo, em qualquer momento e por qualquer razão
Eu Sou a chama misericordiosa me perdoando e perdoando a Humanidade
Transformando todas as vibrações discordantes em dádivas de Amor Divino
Eu Sou a Liberdade sobre a Terra... Eu Sou Deus em ação!

9. Selando tudo no Amor Rubi
Visualize uma névoa rubi brilhante envolvendo e acolhendo você no amor sublime, incondicional e devocional aos mestres e ao Deus Pai-Mãe. Enquanto visualiza vá pedindo:

Mestra Nada e Mestre Jesus
Me envolvam agora no Manto Rubi
Eu Sou a Compaixão e o Amor
Em forma de adoração
Eu Sou a Paz e a Graça
Se expressando na ação.

A DESCOBERTA DO RAIO INDIVIDUAL



Todos os seres que estão vivenciando a escola terrena estão ligados a um determinado Raio, sendo assim ajudados, diretamente, pela Luz no seu caminho evolucionário.
Além de termos características e tendências ligadas ao nosso Raio de trabalho, essas energias divinas estão ligadas aos nossos signos, preferências, qualidades, e até mesmo o que necessitamos melhorar no nosso aprendizado, pode ser aí identificado.
Existe um fato muito importante que não devemos esquecer: muitas vezes, nossos signos estão ligados a um Raio ao qual não nos sentimos muito ligados. Isto se deve ao fato de que muitos possuem um Raio principal e outro secundário ligando ao trabalho de crescimento. De tempos em tempos, as tendências também podem ser modificadas se o aprendizado num determinado Raio já estivar concluído. Então, outro Raio entrará em ação. Por isso, é aconselhável, além de todas as indicações das tendências, procurar uma sintonia interna. Esta sim é verdadeira. O que nossa intuição disser, aí está a verdade.
Podemos identificar em que Raio estamos interagindo, seguido alguns princípios e condições estabelecidos como indicadores.
Com a finalidade de harmonizarmos estes fatores, vamos acrescentar aos sete Raios (chamados de "Raios da Precipitação") denominados anteriormente, mais cinco Raios (chamados de "Raios de Unificação"). Na verdade, para esclarecimentos, já existem outros Raios sendo trabalhados no mundo, além desses.
Existem maneiras de se acelerar este processo e um deles é a Novena dos Sete Raios. O estudante deve escolher um determinado horário do dia, aquele que mais lhe convier, e repetir diariamente cada uma das invocações aos Diretores dos Raios durante nove meses seguidos. Assim, atrairá a si a vibração de cada Raio e terminará percebendo com qual deles se sintoniza melhor:
INVOCAÇÕES AOS DIRETORES DOS RAIOS
EL MORYA
EU SOU EU SOU EU SOU a Ressurreição e a Vida da Fé iluminada do Bem-Amado Mestre Ascensionado El Morya, hoje em atividade no meu ser e em meu mundo. (três vezes)
CONFÚCIO
EU SOU EU SOU EU SOU a Ressurreição e a Vida da Sabedoria do Bem-Amado Mestre Ascensionado Confúcio, hoje em atividade no meu ser e em meu mundo. (três vezes)
ROWENA
EU SOU EU SOU EU SOU a Ressurreição e a Vida do Amor e Adoração da Bem-Amada Mestra Ascensionada Rowena, hoje em atividade no meu ser e em meu mundo. (três vezes)
SERAPIS BEY
EU SOU EU SOU EU SOU a Ressurreição e a Vida da Pureza e Esperança do Bem-Amado Mestre Ascensionado Serapis Bey, hoje em atividade no meu ser e em meu mundo. (três vezes)
HILARION
EU SOU EU SOU EU SOU a Ressurreição e a Vida da Consagração e Concentração do Bem-Amado Mestre Ascensionado Hilarion, hoje em atividade no meu ser e em meu mundo. (três vezes)
NADA
EU SOU EU SOU EU SOU a Ressurreição e a Vida da Cura e Ministério da Bem-Amada Mestra Ascensionada Nada, hoje em atividade no meu ser e em meu mundo. (três vezes)
SAINT GERMAIN
EU SOU EU SOU EU SOU a Ressurreição e a Vida da Misericórdia e Purificação do Bem-Amado Mestre Ascensionado Saint Germain, hoje em atividade no meu ser e em eu mundo. (três vezes)

Raio Violeta - Mestre Saint Germain


SOBRE SAINT GERMAIN

1 - O ASCENSIONADO MESTRE SAINT GERMAIN



Este maravilhoso Ser que conhecemos como SAINT GERMAIN realizou a Sua ascensão no ano de 1684. Muitas e muitas vezes Ele aceitou novas encarnações e esforçou-se muito em estimular nos homens de diversos povos, neste planeta, o desejo de Liberdade, pois que é a LIBERDADE o seu dom especial. Foi confiada a Ele, na qualidade de Mestre Ascensionado, a custódia do já iniciado ciclo de dois mil anos da Era da Liberdade. Assim como Jesus possuía a custódia do anterior ciclo de Dispensação Crística, o Mestre Ascensionado Saint Germain usufrui a preferência, o privilégio e a responsabilidade de TRAZER A LIBERDADE no presente ciclo, a toda criatura - seja homem, ser elemental ou anjo prisioneiro. Chegará um tempo em que não mais haverá velhice, doença, pobreza ou males de qualquer natureza; nem mais haverá a chamada morte.
Os ensinamentos editados pela "Ponte Para a Liberdade" contêm a orientação e indicação dos Mestres Ascensionados para melhor compreensão e aplicação do Fogo Sagrado, a fim de que todos possam obter a Liberdade do espírito, da emoção, do corpo físico e libertação das recordações. Estando os quatro corpos inferiores, definitivamente, purificados e harmonizados, e com isto em verdade "Libertados", o indivíduo estará, portanto, em condições de ser um Mestre Ascensionado ao final de sua encarnação; estará LIVRE PARA SEMPRE! Todas as Ascensionadas Legiões Celestiais ofereceram a Saint Germain seu auxílio para a solução desta gigantesca obra e Ele aceita qualquer cooperação de cada corrente de vida que está à procura de mais Luz e Liberdade.
Desde a época de Sua Ascensão, no ano de 1684, Saint Germain prepara-se para ser o Chohan do Sétimo Raio. No ano de 1786, recebeu o cargo da Bem-Amada Mestra Ascensionada Kuan Yin e, desde então, até o dia 1o de maio de 1954, Ele se dedica à preparação da imensa responsabilidade de Diretor Cósmico para o iniciado ciclo. Este abençoado Ascensionado Mestre pede, nesta Hora Cósmica, por preces, apelos, orações, dedicação e auxílio de todos os que O amem, Ele que sempre viveu para servir a Vida. Chegou agora o Grande e propício momento para trazer à Terra Seu presente de Liberdade.


2 - A COROAÇÃO DE SAINT GERMAIN

Em cada dois mil anos, a Terra entra em contato com um novo raio. A Roda Cósmica necessita, para uma completa rotação, de quatorze mil anos. Cada Chohan que é escolhido como representante do novo raio é COROADO como AUTORIDADE CÓSMICA, para continuar a evolução deste planeta e seus povos dentro este lapso de tempo.
O Sexto Raio, que estava sob a orientação do Mestre Jesus, terminou seu ciclo no dia 1o de janeiro de 1954. Depois de um tempo transitório (poucos meses), começou, oficialmente, a Irradiação Cósmica do Sétimo Raio. O período de 1930 até 1954 é visto como a atividade do caminho preparatório semelhante ao trabalho antecipado de "João Batista".
No dia 1o de maio de 1954, celebrou-se em Shamballa a cerimônia festiva da transmissão da coroa, cetro, espada e manto do Chohan retirante (Mestre Jesus) ao novo Chohan, Mestre Saint Germain.
O símbolo da autoridade, COROA, veio à Terra sobre a cabeça do Arcanjo Miguel, com os primeiros homens, que encarnaram sobre o planeta e, desde então, vem sendo usada sucessivamente pelos Chohans dos Sete Raios, por transferência a cada um deles, quando já decorridos 2.000 anos. Completara-se, portanto, 14.000 anos desde que o último Chohan do Sétimo Raio usou essa Coroa, transferida que fora de seu predecessor - o Chohan do Sexto Raio, que por sua vez, a recebera do quinto, prosseguindo desse modo a seqüência dos Chohans e seus Raios até o primeiro deles, no início do ciclo de 14.000 anos.
O próprio Bem-Amado Mestre Jesus colocou nas mãos de Saint Germain o cetro da autoridade, investindo-o de poder sobre a evolução de todos os anjos, homens e seres elementais na presente Era, ao ser iniciado o novo ciclo de dois mil anos. O Maha Chohan entregou-Lhe a espada simbólica que representa o poder do Espírito Santo. O primeiro gesto de Saint Germain: colocou a coroa sobre a cabeça de Sua Chama Gêmea, Deusa da Justiça e da Oportunidade, a Bem-Amada PÓRTIA.
Cada membro da hierarquia aproximou-se na correspondente ordem de categoria e todos, genuflexos, prestaram juramento perante o Novo Rei, Saint Germain, trazendo-Lhe as bênçãos de suas próprias emanações de vida. Anjos e seres elementais seguiram este exemplo, irradiando suas vibrações em direção ao reino humano e sobre todos os Seres que estavam cientes deste grande acontecimento cósmico.


3 - A ERA DA LIBERDADE

O Grande Mestre Ascensionado SAINT GERMAIN é o Ser que dirige os dois mil anos já iniciados da ERA DA LIBERDADE. Sua gigantesca missão é LIBERTAR todos os viventes, com também a Terra, e isto será realizado por meio do Fogo Violeta. Separadamente e em grupos, os homens apelam desejando dissolver toda criação inferior que obscurecer a luz dos homens.
Se apelais pela vossa Presença Divina "EU SOU" e ao Mestre Ascensionado Saint Germain para chamejar o Fogo Violeta através de vós, ele começará a afastar todas as criações negativas em vossos corpos do sentimento, do pensamento, etérico e físico; ireis constatar uma acentuada leveza e expansão em vossos sentimentos, uma notável clareza em vossos sentidos e mudança em vosso corpo. Alguns discípulos vêem esta chama violeta quando apelam por auxílio em seus círculos de vida; outros a sentem. Mesmo que vós não a vejais, ela está operando. Parece ser invisível, mas chegamos a ver as coisas mais importantes da vida? Não são visíveis aos nossos olhos a vida, a eletricidade, o amor, o ódio, a guerra (os efeitos de guerra: ódio, vingança, tristezas, dor etc.) e a paz.; no entanto, são bem reais; podemos, em qualquer caso, ver os seus efeitos. O uso diário da vivente Chama Violeta pode afastar muita coisa que está acontecendo em vosso mundo. Mas, talvez deva ser esclarecido que, quando empregais sinceramente o Fogo Violeta e "acontecem" pequenos efeitos - isto não quer dizer que a Chama não faça a obra completa; significa que vossas CRIAÇÕES HUMANAS vêm à luz antes que as tenhais dissolvido.
Sobre isto, alguém, em certa ocasião, disse: Assemelha-se a uma escada "rolante" trazendo ao mundo atual a ação das forças do passado. Vosso trabalho é usar, suficientemente, a Chama Violeta para que tais FORÇAS PERMANEÇAM INERTES OU SEJAM DISSOLVIDAS ANTES QUE POSSAM AGIR. Quando a Chama age, é com se explodisse uma porção de vossas criações humanas e então ficásseis livres de determinas qualidades inferiores.
Procurai agir sempre com crescente entusiasmo, para dissolver-se rapidamente, tão depressa quanto possível, o que se apresenta na superfície de vossa vida diária.


4 - ALGUMAS ENCARNAÇÕES DO MESTRE SAINT GERMAIN

- Rei da Cidade de Ouro, capital de uma antiga civilização, que floresceu há mais de 50.000 anos, onde hoje encontra-se o Saara.
- Sumo Sacerdote do Templo da Chama Violeta em Atlântida.
- Profeta Samuel. Preparou e ungiu David como rei de Israel.
- José, escolhido do Espírito Santo como pai de Jesus.
- Mago Merlin, amigo e conselheiro do rei Artur que criou a Ordem dos Cavaleiros da Távola Redonda que tinha como grande objetivo a procura do Santo Graal.
- Roger Bacon, alquimista do século XIII, considerado precursor da ciência moderna.
- Cristóvão Colombo, grande navegador que, superando a ignorância e o medo infundado dos europeus, descobriu a América, a Terra da Liberdade.
- Francis Bacon, filósofo inglês do século XVII. Um dos fundadores da Franco-Maçonaria. Possivelmente, também autor das peças literárias de Shakespeare.
- Tendo alcançado sua Ascensão em 1º de maio de 1684, Saint Germain obteve a permissão do Conselho Cármico de retornar ao mundo num corpo físico, assombrando a Europa nos séculos XVIII e XIX, como o Conde de Saint Germain.
RAIO VIOLETA

Virtudes: Transmutação, Ordem, Diplomacia, Alquimia, Senso de Ritmo Exato e Liberdade
Palavra Chave: Ordem e Organização
Chacra: Sexual (Três Dedos Abaixo do Umbigo)
Som: Campainhas e Guizos
Perfume: Violetas
Dia da Semana: Sábado
Regência: Urano e Saturno
Símbolos: Cruz de Malta, Flor e Duas Asas Representa a Misericórdia, Transformação e Liberdade.


A Chama Violeta, transforma todas as energias negativas e imperfeitas em perfeição. A humanidade, quando usar a chama violeta de forma correta e através da sua presença Divina, irá definitivamente salvar esse planeta da energia de trevas que ainda se encontra e irá saltar para a idade de Ouro que está por vir. As pessoas que são influenciadas por esse raio possuem muitas aptidões e grande amor pela Liberdade. É tarefa do Sétimo Raio instruir a humanidade sobre como conseguir por meio da Chama Violeta a libertação, transmutar seus erros, transformar-se e tudo recomeçar. É o Raio da Transmutação, da Purificação e da Magnetização. É um instrumento cósmico e divino, usado pelas Ascensionadas Legiões da Luz, para libertar toda vida prisioneira. A Grande Hierarquia Espiritual presta à humanidade, um grande ato de amor, em cada ano, na noite de São Silvestre. Por isso, devemos realmente ter dentro de nós, a vivência da expressão "Novo Ano", pois nesta noite, cada emanação de vida passa por um processo de purificação através do Fogo Transmutador e assim, aquele que assim crer, estará sendo libertado das energias desarmônicas que o prejudicam. Estamos vivendo a nossa Encarnação de Ouro, o livre arbítrio não nos foi tirado, mas agora a escolha é clara: a luz ou as trevas. Toda essa hierarquia cósmica, estes seres maravilhosos e dentre eles, os Anjos, se fazem presentes como nunca, unicamente para nos salvar. Isso está acontecendo graças ao grande trabalho dos Mestres Ascensionados e de seus trabalhadores na Terra. É só querer...eles estão aí....à nossa espera!
ALGUNS ASPECTOS DA CHAMA VIOLETA

1- A Lei da Misericórdia A harmonia do nosso Universo é regida basicamente por 3 Grandes Leis, a saber: a Lei de Causa e Efeito; a Lei da Evolução; e a Lei da Misericórdia. A Lei de Causa e Efeito, também conhecida como Lei do Carma, estabelece que tudo que é lançado ao Universo retorna, cedo ou tarde, ao expedidor. Em outras palavras, tudo que semeamos devemos colher. A energia qualificada e irradiada, seja boa ou má, conhece seu gerador e a ele retorna, com o objetivo de ser liberada, enriquecida por energias semelhantes que encontra em seu trajeto. É por isto que se diz: "quem semeia vento colhe tempestade" e, podemos acrescentar, quem espalha a boa vontade alcança a paz. É com base nesta Lei que devemos entender que nossos atos e omissões, bem como pensamentos, sentimentos e palavras, decorrentes de nosso caráter, são os reais responsáveis por nosso destino ou "sorte". A Lei da Evolução se sobrepõe à de Causa e Efeito estabelecendo que, a cada ciclo de retorno, a consciência deve subir um degrau na escada evolutiva. Caso contrário, permaneceríamos estagnados, presos aos ciclos de ação e reação. Se visualizarmos a Lei do Carma como um círculo fechado, como se tudo retornasse ao ponto de partida, certamente que a Lei da Evolução deve ser representada por uma espiral ascendente. Isto significa que esta Lei abre o círculo de retorno para que possamos nos desvencilhar da reação de nossos próprios erros passados e avançar na escada evolutiva. Mas, para que tal aconteça, é necessário avançar com o firme propósito de não mais cometer os mesmos erros. A Lei da Misericórdia é a verdadeira Lei de Deus. Misericórdia significa receber muito além do que merecemos. É a Lei do Perdão. Por ela, podemos nos libertar dos ciclos de ação e reação e, até mesmo, da morosidade dos degraus evolutivos, avançando celeremente em direção à consciência mais elevada de nosso ser e alcançar a definitiva liberdade. É aqui que age a Chama Violeta. O Fogo Violeta é a própria ação da Lei da Misericórdia e do Perdão. Trata-se de um instrumento divino que foi usado por todos Aqueles que alcançaram a Vitoriosa Conclusão na Luz de Deus que nunca falha e se tornaram Mestres. É esta poderosa ferramenta – a Chama Violeta – que nos é gentilmente oferecida pelo Mestre Ascensionado Saint Germain para que, trabalhando em estreita cooperação, possamos auxiliar no estabelecimento da definitiva Idade de Ouro para a Terra e seus habitantes. Por que não nos agarrarmos a esta maravilhosa oportunidade? Exercício: Visualizar a pessoa ou pessoas com quem estamos em atrito, desarmonia ou desacordo, envoltas numa purificadora fogueira de Chama Violeta e afirmar por três vezes, silenciosa ou audivelmente, EU SOU a Lei do Perdão e da Chama Transformadora de todo erro que cometi consciente ou inconscientemente, nesta ou em vidas passadas. Para terminar: EU SOU a Lei do Perdão e da Chama Transformadora de todos os erros da humanidade.
2- Alquimia e Transmutação A busca de todo alquimista é a chamada "pedra filosofal", um instrumento ou dispositivo capaz de transformar metais inferiores em metais superiores, por exemplo, chumbo em ouro. A verdadeira alquimia, contudo, trabalha no sentido de transmutar as baixas tendências do homem inferior nas nobres qualidades do homem superior, isto é, combater os vícios e desenvolver as virtudes. Isto normalmente é alcançado por uma busca incessante e por uma disciplina rigorosa. Vale aqui a máxima que diz: "o preço da liberdade é a vigilância", ou seja, estar atento para que a prisão imposta pelos vícios não prevaleça. Durante milênios, o Mestre Saint Germain, o Mago da Aura Violeta, esteve entre nós praticando e ensinando a alquimia, a magia da transmutação. Nos tempos atuais, como Chohan do Sétimo Raio, encarregado da Dispensação da Nova Era, Saint Germain se esforça em transformar a Terra, um planeta denso envolto em trevas, na Sagrada Estrela da Liberdade. Para isto, Ele conta com o apoio e auxílio da Grande Fraternidade Branca, juntamente com Seus discípulos, e com um poderoso instrumento de transmutação: a Chama Violeta. Quando estudamos o espectro da luz, aprendemos que a luz original é composta por vários raios coloridos de diferentes freqüências vibratórias. No espectro da luz visível, a que é percebida pela visão humana, estes raios podem ser contemplados no maravilhoso fenômeno do arco-íris. Entre eles, a luz violeta é a de mais alta freqüência vibratória. Por isto, ela acelera a vibração de tudo com que entra em contato. Este é o princípio alquímico da Chama Violeta: acelerar a vibração dos elétrons de todas as substâncias a ponto de produzir a transformação da matéria densa em substância luminosa, a transmutação das trevas em luz. Quando aplicada numa situação ou mesmo num objeto, a Chama Violeta penetra nos interstícios atômicos, queimando e consumindo as substâncias negras e pesadas ali presentes, assim permitindo que os elétrons e os átomos passem a vibrar mais acelerados, provocando uma verdadeira transmutação. Após a passagem da Chama Violeta, as substâncias e as situações não são mais as mesmas. Transmutando trevas em Luz, a Chama Violeta se assemelha à sonhada "pedra filosofal" dos antigos alquimistas.



Dizei muitas vezes ao dia: “Eu Sou uma coluna de Fogo Violeta, um foco de luz da energia cósmica, que consome tudo o que é negativo”. MENSAGEM DO MESTRE

" Amados Filhos: No Poder da Sétima Esfera de Luz está a verdadeira transcendência deste plano limitado para o Universo abundante e para novas formas de consciências que se preparam para reencontrar todo o Poder de manifestação. O 7o. Raio traz o Poder da Maestria, a Transmutação do Limite, da Dor e de todas as amarras do passado para que livres possais a cada momento reencontrar um novo caminho na sintonia do Amor e na Fé. Utilizai o Poder da Chama Violeta em ação por 7 dias consecutivos e vereis a manifestação de vossos ideais no plano tri-dimensional AGORA. Amor e Luz, EU SOU Saint Germain" Os Mestres nos dizem

"Para nós não é possível descrever em palavras a Força do Fogo Violeta. Se pudésseis ver o que acontece quando acionais estas forças, não deixaríeis de utilizá-la. É uma ação muito abençoada, e muitos ajudantes aumentam suas forças ao se associarem a vós. Através dos vossos apelos, esta Chama purificadora é colocada em movimento. Pensais sobre o que podeis realizar se o fizerdes freqüentemente. O uso do Fogo Violeta é de elevada eficácia. Ele contém a força da purificação, da transmutação e da cura. Assim, a Chama Violeta é uma energia que, através do uso diário, quando carregada com a força do SENTIMENTO, não falha em seu efeito.Todo discípulo deveria se envolver, todas as manhãs, durante sua meditação, na Chama Violeta que protege e purifica”.

Apelo Eu sou Perseverança
Fonte: Caminhos de Luz

Raio Rubi-dourado - Mestra Nada e Mestre Jesus


Chohans: Mestra Nada/Jesus
Dia da Semana: Sexta Feira
Chakra: Plexo Solar/Gástrico dez pétalas
Retiro Etérico: Shamballa
Cristais e Pedras: Diamantes com Pérolas, Topázio, Rubi e Alexandrita
Virtudes: Amor ao próximo, serviço abnegado, idealismo, compaixão, devoção e paz.
Palavra chave: O Guerreiro que Marcha
Som: Pequeno assovio, estalos e sussurros
Perfume: Flor de Laranjeira
Regência: Vênus e Marte
Símbolos: Rosa rubi-dourada
Músicas-chave: Soldado de chocolate, de Herbert; Tema de Lara, do filme Dr. Jivago, de Maurice Jarre.
Arcanjos: Uriel e Graça, que zelam pela proteção e pela elevação dos seres humanos, particularmente os que mais sofrem - nos asilos, presídios, hospitais. Seu templo da Alegria fica no plano etérico sobre a Polônia e sua música-chave é Berceuse, de Brahms.
Elohins: Tranquilitas e Pacífica, os grandes mantenedores da paz para o nosso planeta. Quem deseja atrair essa qualidade para a sua vida, recebe dos grandes Elohins poderoso auxílio. Sem tempo etérico fica sobre o Hawaí e sua música chave é a 18ª variação de Rachmaninoff.

Chohan do Sexto Raio, ela sustenta os atributos divinos da paz, devoção, misericórdia, idealismo e cura. Mestra Nada era uma das divindades protetoras do planeta Vênus que veio como voluntária, juntamente com Sanat Kumara, para servir no grande plano de ascensão espiritual terrestre. Ela passou por várias encarnações neste planeta, onde enfrentou muitos desafios e aperfeiçoou-se na Bondade e no Amor. Seu tempo é o Templo Rubi da Cura, no espaço etérico sobre a Arábia Saudita, de onde ela sustenta os atributos do Sexto Raio - devoção, compaixão, misericórdia, idealismo, sacerdócio e cura.

Numa de suas experiências terrestres, em Atlântida, foi sacerdotisa no Templo do Amor e advogada das crianças e dos injustiçados. Houve também uma passagem pela Mesopotâmia, na qual pertencia a uma família abastada e tinha duas irmãs de grande talento artístico para a dança e o canto. Diante de irmãs tão admiradas, a pequena Nada sentia-se inferior. Foi então que surgiu em sua vida a Mestra Caridade, que a ensinou a amar e a admirar as irmãs e a meditar em favor delas. Foi difícil para Nada manter-se em oração ainda criança, mas como resultado de sua doação as moças transformaram-se em expoentes das artes, ela própria aprendeu sobre o incomensurável amor e passou a ter uma vida de entrega ao Plano Divino.


Serviu no Templo da Ascensão em Luxor, no Egito, onde passou para a liberdade eterna, sob a direção do Mestre Serapis Bey, Chohan do Quarto Raio. Atuou também em vários grupos místico-religiosos no período da 1ª Grande Dispensação Crística (época de Jesus e logo após). Muito ligada ao Cristianismo, seguiu erguendo focos de irradiação do Amor Incondicional em comunidades, cidades e nações. Por ocasião das grandes modificações internas na Grande Fraternidade Branca, Mestra Nada foi convidada, por seus reconhecidos méritos, a ser a Chohan do Sexto Raio, cargo que recebeu do Mestre Jesus. É membro do Conselho Cármico e influencia muito os destinos da atual humanidade terrestre. Também atua energeticamente sobre o Brasil, na região de Brasília, no Templo da Lei e da Libertação. Mestra Nada vibra em todos os matizes do Raio Rosa, do Grande Amor, passando pelo Rosa Magenta e chegando ao profundo Vermelho-Rubi da Graça, da Compaixão e da Caridade.

Diz a Mestra Nada:

"Plantai vossas raízes profundamente na Chama de vossos corações, de onde vos vem todo sustento: as batidas de vosso coração, a cura do vosso corpo, a abundância às vossas mesas, o teto sobre vossas cabeças. Quando as vossas raízes permanecerem implantadas em Deus, quando não mais procurardes externamente por alimento espiritual ou mesmo terreno, então os homens avistarão vossos frutos. O que fizerdes em segredo tornar-se-á conhecido e quem tiver a capacidade de ver, verá. Os homens virão a nós, admirados e confusos, mas com um quê de esperança em seus corações. Pensai em Mim, em Nada, e amai-os livremente."


Mestre Jesus
Jesus Cristo Jesus Cristo - Avatar da era de Peixes, Encarnação do Verbo, o Cristo Universal, exemplo da consciência de Cristo que deveria ter sido retratada pelas crianças de Deus, na dispenção de dois mil anos da era de Peixes. Aquele que realizou a plenitude do Cristo Pessoal e foi, assim, chamado de Jesus, o Cristo. Ele veio revelar o Cristo Pessoal individual a toda a humanidade, e mostrar as obras do Pai ( a Presença do Eu Sou), as quais podem ser realizadas pelos seus filhos e filhas no Cristo Pessoal e através da Chama Branca. Jesus ocupa na Fraternidade Branca o cargo de Instrutor Mundial, o Mestre dos Mestres, tendo ao seu lado o mestre ascenso Kuthumi, que esteve encarnado como São Francisco. Christum Pax e Pax et Bonum.O retiro de Jesus é o Templo da Ressureição, localizado na esfera etérica, por cima da Terra Santa. Jesus está vivo dentro de cada um de nós. A Fé traz sua Plena Visualização. "Confio em Ti, Coração de Cristo. Confio em Ti, Coração de Cristo, Confio em Ti, Coração de Cristo!!!


A Energia do Mestre Sananda reconfigurada a partir da essência Crística do Mestre dos Mestres Jesus Cristo, tem sido manifestada por diversos canais nos últimos 35 anos de forma profunda. Essa energia Crística esta ligada aos processos de libertação consciencial que o planeta vivencia nestes últimos anos, onde muitos aspectos apocalípticos tem sido suavizados e transmutados pela energia da Fraternidade Branca, com o apoio de todos os Mestres, efetuando a sua parte. Sananda como consciência cósmica projeta a energia do amor incondicional e a importância da mudança de postura da nossa mentalidade perante o mundo das ilusões e as nossas criações cotidianas com nossas Formas Pensamento.


Sexto Raio Rubi Dourado

O Sexto Raio representa a força da devoção, da entrega e da vontade persistente. Por meio dele é que se elevam todas as formas de vida. Jesus Cristo, que é deste Raio e que por muito tempo também foi responsável por sua dispensação para a Terra, deu à humanidade o exemplo mais sublime do que a força da devoção e a absoluta entrega à Vontade de Deus é capaz. A ordem, a paz, a justiça, o idealismo, a compaixão, o serviço ao próximo, a abnegação, a cura e o sacerdócio são os atributos do intenso Raio Rubi, que é muito eficaz para a abertura dos mundos inferiores onde reinam formas negativas e pesadas e serve de selo ou proteção contra as energias dos mundos inferiores. Freqüentemente associado ao Segundo Raio, gera a poderosa chama rubi-dourada. O trabalho dos religiosos, místicos, artistas e daqueles que servem ao próximo é inspirado pelo Sexto Raio. As pessoas por ele influenciadas são compassivas, sabem como tocar os sentimentos alheios e são um exemplo de fé, devoção e entrega. Seres pouco evoluídos manifestam essa influência na forma de fanatismo, idolatria e emotividade exacerbada.


O sexto Raio e a Missão da Mestra Nada é irradiar a Cura, a Paz, o Amor Incondicional. Representa ainda a devoção abnegada, a cooperação humilde, o serviço prestado. Mestra Nada foi a ascencionada que ajudou Saint Germain a obter a dispensação que tornou possível revelar as instruções de vários seres ascencionados após 1930, através do mensageiro Guy W.Ballard. A comunicação diz "Saint Germain e Nada permanecerão sós." Mestra Nada, em sua última encarnação sobre a Terra, entrou para o retiro de Luxor. Lá Ela recebeu as rigorosas disciplinas do Templo da Ascensão. A princípio Ela achou muito difícil manter harmonia entre os seus aprendizes, devido aos atritos e às várias qualidades humanas que precisam ser suplantadas quando se vive em contato muito próximo com outros estudantes. Ela disse aos estudantes que, algumas vezes, ela deixava o retiro e corria durante milhas pelo deserto, apenas para se livrar das pressões. Mestra Nada ascensionou por volta do ano 700 AC. A cura é uma das suas manifestações de serviço à Humanidade, Ela também está pronta a dar assistência a indivíduos que desejam ajuda para libertarem-se de maus hábitos. Mestra Nada é um dos membros da Junta kármica, representando o Terceiro e Sexto Raios do Amor. Mestre Jesus foi Chohan deste Raio até ter sido promovido, juntamente com Mestre Kuthumi, a Instrutor do Mundo e desde então Mestra Nada derrama o Seu Amor e auxílio por meio do Sexto Raio.


As Bem Amadas Maria, Mãe de Jesus e Mestra Nada exercem no Templo da Chama Rubi da Cura parte de suas diversas atividades beneficentes. Se considerardes que o Templo Rubi da Cura existe desde as primeiras encarnações humanas, podereis avaliar a imensa Força de seu "momentum". As radiações da Chama Rosa Rubi Dourada envolvem as auras dos fiéis, formam uma espiral de energia sempre crescente que, Mestre Jesus, Mãe Maria, Mestra Nada e outros Grandes Seres, fazem retornar à Terra em resposta aos pedidos de auxílio, Cura e Paz.


CARACTERÍSTICAS:
As pessoas desse Raio são geralmente sacerdotes, místicos, amorosos, possuem um desejo ardente pelo culto divino. Os que pertencem a este Raio possuem alta dosagem de entusiasmo e devoção.São quietos, contemplativos, reformadores e zelosos. Quando místicos, sofrem muito com o enfraquecimento de forças e passam por fases enervantes de questionamentos doentios. Às vezes são intolerantes e por terem uma visão estranha dos seus propósitos, seu progresso é muitas vezes, retardado.
fonte:http://luzdanovaera-fraternidadebranca.webnode.com/a-g-f-b-u-/mestres-ascensos/nada-e-jesus/

Raio Verde - Mestre Hilarion


Mestre Hilarion



Chohan do Quinto Raio, sustenta os atributos divinos da verdade, abundância, ciência, concentração e cura

Em épocas remotas, antes de a Atlântida submergir no Oceano Atlântico, muitos sacerdotes e sacerdotisas de Ordens Brancas foram incumbidos de levar para outros países da Terra os elevados ensinamentos da Sabedoria Divina, para que não se perdessem com Atlântida. Mestre Hilarion, na época ainda não ascensionado, encontrava-se num desses grupos de iniciados, ao qual foi confiada a Chama da Verdade. Este grupo de escolhidos aportou na Ilha de Creta, na Grécia, e lá ancorou a Chama Verde, a Luz da Verdade. Desde então, a Sagrada Chama irradia-se para toda a Terra expandindo a verdade nos pensamentos e sentimentos das criaturas.

Hoje, o maravilhoso Templo da Verdade da Ilha de Creta só existe nos planos etéricos, pois foi destruído por guerras através da história da humanidade. É de lá que Mestre Hilarion sustenta os atributos do Quinto Raio (verde) da verdade, concentração, ciência, abundância e cura. Seu raio gêmeo é a Mestra Palas Athena.

Hilarion foi o apóstolo Paulo de Tarso, que depois de perseguir os cristãos e julgá-los com base em testemunhos falsos, descobriu a verdade e converteu-se ao cristianismo, ao qual dedicou-se para o restante de sua vida. Foi depois canonizado pela Igreja como São Paulo.

Sob a Luz de Hilarion e as vibrações do Raio Verde, as pessoas materialistas e céticas recebem grande impulso para abrir-se à espiritualidade. O Mestre protege as pessoas que são vítimas de falso julgamento e também atua na cura, tanto física quanto espiritual de todos os que invocarem suas bênçãos.

Diz o Mestre Hilarion:
"A doença surge sempre que o ser humano, pelo mau uso das energias sagradas, cria a desarmonia, dá força energética a ela e densifica-a em seu próprio plano, afastando-se da ordem divina. A doença é assim gerada pela própria pessoa num momento de desamor, isto é, ao invés de qualificar positivamente a energia que vem do Pai, ela a usa de forma negativa e imperfeita. Assim, se a doença brota do desamor, a cura deverá brotar do amor."

Apelo ao Mestre Hilarion
Chama Verde de Hilarion(3x)
Rogo a cura para mim, para os meus, para o meu mundo, para todos os humanos e para a Terra e sua atmosfera
Chama Verde de Hilarion(3x)
Derrame-se sobre os hospitais, casas de saúde e onde haja desequilíbrio físico, emocional e espiritual
Chama Verde de Hilarion (3x)
Carregue a todos com a mais pura chama da cura e liberte a humanidade do sofrimento



Meditação para a cura
Sente-se relaxado num lugar tranqüilo, coloque ao fundo uma música suave mentalize-se envolvido por uma pirâmide da mais brilhante luz verde. Respire profunda e lentamente. Apele ao Arcanjo Rafael e à Mãe Maria para que dispensem e permitam a cura total de seus corpos físico e espiritual. Veja e sinta suas mãos pulsando e se transformando em "mãos de luz", sempre na luz verde. Com suas mãos de luz você vai curando cada órgão ou parte de seu corpo que esteja em desequilíbrio ou doente. Finalize o exercício com o apelo ao Mestre Hilarion:
Amado Mestre Hilarion
Mantende a Verdade e a Cura
Registradas em meus corpos e ao meu redor
Eu Sou a Verdade, a Consagração e a Cura
Eu Sou a Verdade, a Consagração e a Cura
Eu Sou a Verdade, a Consagração e a Cura

Apelo para a cura planetária
Visualize-se dentro de uma pirâmide de fogo verde mantida por seres do Quinto Raio. De dentro dela, a chama verde começa a se expandir e vai envolvendo todo o planeta Terra. Faça a afirmação:
Eu Sou a Verdade manifestada na perfeita harmonia de meus corpos
Eu Sou a Verdade que se manifesta no gesto amoroso de curar e restituir o plano divino
Eu Sou a Verdade manifestada na compreensão do mistério da vida através da ciência divina
Eu Sou a Verdade que se implanta em cada ser deste planeta
Eu Sou a Verdade que consagra cada emanação de vida e toda a Terra
Eu Sou a Verdade, a abundância e a cura planetária.

A Ascensão


A ascensão é a elevação da freqüência vibratória dos nossos campos energéticos, até as oitavas mais elevadas de luz, é o processo de aumento do nosso quociente de luz interior: a fusão com nossa verdadeira natureza. Ascender é reconhecer nossa matriz divina e recuperar a consciência de quem realmente somos.

O processo de ascensão é o nosso caminho de reencontro com Deus, ao mesmo tempo, que trazemos Deus para se manifestar em nossa personalidade. Neste aspecto podemos dizer que a ascensão é na realidade uma descensão, ou seja, é o processo de trazer a luz de nossa mônada (ou presença Eu Sou) para se manifestar e expressar através de nossa personalidade. E com a manifestação da Luz na Terra, estamos realizando nosso propósito divino no planeta.

O planeta Terra está passando atualmente pelo processo da ascensão planetária, que é um processo natural que ocorre a todos os planetas num estado específico de sua evolução quando sua base muda de carbono para silício. Ao mesmo tempo em que sua freqüência fica mais refinada e sua vibração vai chegando a oitavas superiores, os seres que habitam o planeta, são também modificados pela nova freqüência.

Dessa forma, a ascensão pessoal é uma conseqüência da ascensão planetária. E é exatamente isso que estamos vivenciando nos dias atuais.

A ascensão pessoal ocorre com participação ativa ou não do individuo. No entanto, a consciência desse processo pode acelerá-lo e à medida que mais pessoas vão despertando e se voltando para a aceleração consciente do processo de ascensão, os seres humanos vão auxiliando o planeta em sua mudança e isso faz com que a mudança de vibração possa ocorrer sem grandes complicações (cataclismas, desastres, acidentes causados pela natureza se reequilibrando, etc...).
Se a freqüência dos habitantes também se eleva juntamente com a do planeta a mudança ocorre de forma harmônica e natural, pois os habitantes dão a sustentação energética que o planeta precisa.

Existem muitos e muitos livros focados em práticas conscientes e sobre o que é necessário para elevar as nossas freqüências vibratórias.

Segundo Dr Joshua David Stone o processo de ascensão se encontra totalmente ligado com o processo de iniciação. “A palavra iniciação provém de uma raiz latina que significa começar. A iniciação pode ser considerada um novo começo, a transformação para uma nova forma de ser”.

Uma analogia utilizada pelo mestre Djwhal Khul é que uma iniciação seria como a passagem através de um portal.

Existem duas maneiras pelas quais podemos definir uma iniciação espiritual - em termos do seu significado ou de sua mecânica subjacente. Se olharmos para o significado interno de uma iniciação, uma boa maneira de defini-la seria dizer que é um processo que nos torna “mais conscientes de nós mesmos como almas encarnadas” segundo DK. A iniciação pode aumentar diretamente esse estado de consciência, ao passo que pode fazer como que esse mesmo estado evolua através da melhora de algum traço ou característica, por exemplo: a capacidade de experimentar o amor incondicional.

Se olharmos para as iniciações em termos de mecânica, uma boa definição é aquela que DK usa nos livros de Alice Bailey, ou seja “uma iniciação é como uma seqüência progressiva de impactos direcionados de energia”.

Do ponto de vista holístico, a iniciação implica uma transformação permanente nos campos de energia dos seus corpos sutis. É importante entender que a iniciação não envolve aprendizado intelectual, é uma mudança permanente na sua estrutura e por tanto, no seu ser. Seguindo a visão holistíca, sabemos que cada um de nós está envolvido por uma seqüência de campos de energia alinhados. Embora a maioria das pessoas não tenha conhecimento desses campos, eles são reais e o seu estado exerce um efeito profundo em nossas consciências e em nossa maneira de ser no mundo - o modo como pensamos, agimos e sentimos em relação a nós mesmos, nosso meio ambiente e às outras pessoas. Sabemos que em nossas vidas diárias até mínimas mudanças em nossa energia podem produzir mudanças significativas em nossos pensamentos e sentimentos. Por exemplo, se estamos deprimidos, podemos ouvir música, fazer exercício físico, ou abrir uma janela para permitir a entrada de uma maior quantidade de oxigênio. O propósito da iniciação é o de produzir uma transformação permanente em seu campo de energia que leva a uma mudança em sua forma de ser no mundo.

A iniciação é um tema de interesse para qualquer um que procure um crescimento pessoal e espiritual. A iniciação se encontra bem no âmago de como o universo está estruturado. Para entender isso antes é preciso compreender um fato básico sobre evolução espiritual: ela nunca tem um fim!

...Uma vez que você percebe que a evolução espiritual não tem fim, se torna claro o que cada um pode ganhar ao receber iniciações de seres que estão bem mais adiante na caminhada espiritual. Por exemplo, o mestre tibetano Djwhal Khul: .....nos escritos canalizados por Alice Bailey, ele fala sobre o seu relacionamento com seu mestre, Kuthumi, de quem recebeu ensinamentos e iniciações. Atualmente, D.K. ainda está recebendo iniciações de Kuthumi e Kuthumi por sua vez ainda recebe ensinamentos e iniciações de seu mestre e assim por diante. Essa grande cadeia de iniciações em última instância se estende por todo o caminho de retorno a Deus, o único ser no universo que não se beneficia de iniciações, pois é a fonte da qual provem a energia para as mesmas.

Não somente nós seres humanos estamos recebendo iniciações, mas também a Terra as está recebendo. As iniciações da humanidade como um todo, se adaptam, se interligam e correspondem às iniciações que a MÃE TERRA, como um todo, está recebendo. E ambas (iniciações da Terra e da humanidade) estão interligados com as iniciações que o nosso sol está recebendo e este está interligado com as iniciações que outras estrelas recebem. O universo por inteiro pode ser visto como uma gigantesca rede de sistemas de iniciação interconectados. A imensidão e a grandeza dessa rede é somente igualada por sua beleza.

Isso não quer dizer que é essencial que todos recebam iniciações. Você pode trabalhar sozinho e evoluir espiritualmente, mas cabe salientar que todos estamos juntos nesse jogo. Essa é a grande lição que o amor tem para nos dar. Não significa que você não possa fazê-lo sem ajuda, mas sim que isso demandaria muito mais tempo.

É bom deixar claro que as iniciações não são um substituto da continuidade do trabalho em prol do nosso crescimento pessoal ou espiritual, embora as iniciações possam acelerar dramaticamente esse crescimento.

“A razão pela qual as iniciações energéticas podem acelerar tão efetivamente o crescimento é porque elas permanentemente concedem uma shakti (uma energia espiritual que se comporta inteligentemente) ao receptor. Todos os benefícios conferidos pela iniciação espiritual se dão por meio das shaktis”.

Existem vários tipos de iniciações espirituais.
Dr. Joshua David Stone descreve em seu livro “Manual Completo de Ascensão”, as iniciações que fazem parte do processo de ascensão. Estas são iniciações espontâneas, são marcos dentro da evolução espiritual e conscientização do ser, para saber e sentir cada vez mais que faz parte do “Tudo que é”!

Existem iniciações espirituais espontâneas, como as descritas por Patrick Zeigler, que podem ser consideradas “sub iniciações” do processo de ascensão; ou seja; elas podem ser definidas como uma ancoragem de energias superiores que possibilitam seu reencontro com sua alma e mônada e aceleram o processo de ascensão. Estas iniciações também ocorrem espontaneamente à medida que a pessoa esta realizando práticas espirituais específicas.

Existem as iniciações que recebemos da linhagem energética de um mestre ou ser espiritual específico. Estas iniciações podem ser recebidas no plano astral ou podem ser recebidas através do veículo de uma pessoa num corpo físico (desde que ela esteja capacitada e autorizada a passar esta energia através de uma iniciação). Uma linhagem é um grupo de seres encarregados da responsabilidade de transmitir iniciações que são particularmente importantes, ou que requeiram uma informação detalhada para serem recebidas com segurança ou para serem efetivamente utilizadas. Uma iniciação de linhagem deve ser recebida de um oficial representativo apropriado da linhagem. Isso também requer algum nível de consciência por parte do receptor sobre o significado da iniciação, de como se beneficiar dela ou de como usá-la. Essas iniciações são na realidade sintonizações em energias especificas que geralmente possibilitam grandes limpezas kármicas, aumento da auto consciência, curas específicas, entre outras coisas, auxiliando e facilitando o caminho espiritual.

As iniciações do processo de ascensão são divididas por DK, Alice Bailey e posteriormente Dr Stone em sete níveis.

Esse sistema de sete níveis serve para avaliar o progresso espiritual de um iniciado e pode também ser interpretado, segundo Jasmuheem como os graus atingidos pelo despertar de uma pessoa no reconhecimento de sua verdadeira identidade.

Existem algumas escolas antigas que utilizam um sistema de 12 níveis, que segundo Dr Stone podem ser considerados sub níveis do grande sistema de sete níveis.

O caminho probatório
Somente quando a alma alcança um certo grau de desenvolvimento, o eu superior e a monada começam a ter um interesse ativo por ela. Aí então, ela assume a responsabilidade pela sua evolução começa a se unir verdadeiramente em propósito com o eu superior.

A alma que está no caminho probatório volta agora sua atenção para o mundo e para a influência do seu eu superior e começa a dar atenção à parte de si mesma que passa pelos ciclos de encarnação nos quatro mundos inferiores. A alma da pessoa também atraia agora a tenção do mestre e do grupo de mestres com o qual esta ligada pelas leis cósmicas. No entanto, devemos observar que, nesse estágio, a pessoa geralmente não tem consciência desse vínculo.

O discípulo aceito:
Esta fase marca o verdadeiro começo no trabalho do discípulo com o mestre. A alma encarnada tende agora à se estabelecer no mundo do serviço. A pessoa tem que manifestar, em sua esfera de influência, as qualidades do amor, da luz, da compaixão e do intento divino. Essas qualidades irão se aprofundar conforme a pessoa avança no processo de ascensão. No entanto, uma vez aceito o discípulo deve dar atenção ao desenvolvimento dessas qualidades superiores em sua vida.

A primeira iniciação:
Esta é na realidade a entrada oficial no caminho da ascensão, que não tem mais volta. A partir daqui o auto domínio é a chave do propósito do discípulo.
Nesta iniciação ele deverá trabalhar o domínio das tendências físicas inferiores básicas: purificação da alimentação, manutenção do corpo livre ao máximo de toxinas, transmutação da luxúria em amor, entre outras coisas.

Aqui a pessoa começa a tomar consciência de si mesma como alma.

A segunda iniciação:
Esta iniciação desenvolve o controle do corpo astral/emocional. Aqui se dedica muito tempo ao domínio dos desejos do ego, para que a pessoa possa se focar somente no Eu Superior. Os desejos egoístas são substituídos pelo desejo de servir, e entra-se num trabalho com a própria natureza emocional e psicológica. Aqui a pessoa necessita tomar consciência de quem ela é, de todos os aspectos do seu eu, aceitá-los,....... e trabalhar os aspectos negativos.

A propósito na segunda iniciação é fundir as metas e desejos pessoais com “os do Todo”. Os estágios iniciais de completa paz interior são um indicativo de que se está alcançando esta meta.

A terceira iniciação:
Esta é a iniciação onde inicia a fusão com a alma, pois nos ligamos diretamente com o Eu Superior. Aqui o domínio do pensamento é o foco central. As formas pensamento têm que se tornar claras e definidas, assim como o nosso propósito. Os pensamentos devem ser dirigidos para os planos superiores. Os iniciados neste estágio precisam aprender a dominar seus próprios mundos de pensamentos ao invés de ser vítimas do pensamento habitual ou das formas pensamento da consciência de massa.

Uma coisa importante nessa iniciação é o cuidado que se deve ter para não cair na reprensão dos pensamentos, pois este é um processo de transcendência e não de repressão. A pessoa precisa aprender a trabalhar com os bloqueios físicos, emocionais e mentais e não negá-los, e isso para muitos é a parte mais difícil.

A quarta iniciação:
Esta iniciação é chamada de “crucificação”, pois todos os parâmetros, dependência e apoios exteriores são retirados ou já não dão mais a satisfação costumeira, e o indivíduo passa a ter que confiar apenas em seu próprio relacionamento consigo mesmo e com Deus. Há um período de sacrifício e desapego profundos nesta iniciação, e aqui a pessoa tem que trabalhar os medos e as perdas.

Aqui o iniciado torna-se a alma e passa a se comunicar com a mesma através do antakarana. Sua própria mônada torna-se seu mestre, guia e professor.

Neste ponto, a visão aumenta aos saltos e pulos e o interesse passa a ser verdadeiramente elevar o mundo, pois a alma sabe que forma uma unicidade com Tudo O Que É. Todos os esforços aqui estão voltados para dissipar os últimos vestígios do karma pessoal, a fim de promover um equilíbrio e ajuste do karma do planeta como um todo.

Aqui o iniciado não é mais uma alma aprisionada, mas sim a própria alma.

A quinta iniciação:
Esta iniciação é chamada de inicio da fusão monádica; é a revelação e ocorre no plano átmico. Aqui a relação estabelecida é entre a alma espiritual individualizada e a mônada. As impressões recebidas vêm diretamente do plano monádico e dos mestres. A vontade de servir assume fundamental importância, pois a visão do iniciado de quinto grau inclui tanto os muitos níveis do reino humano como do espiritual. A pessoa toma total consciência dos papéis desempenhados na evolução da Terra e do universo.

Aqui a pessoa começa a entrar em pleno contato com seu poder pessoal e com o amor e luz.

A sexta iniciação:
Esta é a iniciação da ascensão; que se inicia agora e se completa na sétima iniciação. Na sexta iniciação o discípulo é considerado um mestre do jardim da infância.

Nesta iniciação a mônada e o iniciado fundem-se diretamente. A pessoa sabe verdadeiramente que é o Eu Sou O Que Sou, A Poderosa Presença Eu Sou, sabe que Tudo O Que É é Deus. Aqui a pessoa se vê numa total unicidade, vivenciando o amor incondicional divino e a paz profunda.

Não há como alcançar a sexta iniciação sem fazer o trabalho necessário em todos os níveis do ser. É necessário invocar e ser a Luz e o Amor. É preciso se livrar de toda a carga dos corpos inferiores. É necessária a purificação do eu psicológico profundamente para que não sobrem resíduos.

Mesmo depois dessa iniciação o indivíduo precisa manter vigilância constante de si mesmo, para servir apensa na luz e nunca no ego e na manipulação.

Depois da sexta iniciação permanece tudo aquilo que a alma individual é ou foi. O ego negativo é liberado e o ser se funde com a totalidade. No entanto não é necessário ter medo de perder a si mesmo neste processo, pois como diz DK “... o iniciado é um aspecto consciente daquilo que é parte integrante”; esta é a glória da ascensão para o iniciado de sexto grau.

A sétima iniciação:
Esta iniciação assinala a ascensão plena. Em muitas literaturas é conhecida como a ressurreição. Nela tornamo-nos o nosso pleno Eu completo monádico essencial. Ela é o nirvana das 3° dimensão, a completa liberação, o mais alto estágio do samadhi. A partir daqui não somos mais atraídos pelos mundos inferiores a não ser pela vontade de servir. Neste plano a vontade espiritual encontra plena ativação, entrando em pleno funcionamento ao lado do amor incondicional e da sabedoria. Neste estágio o amor incondicional, as motivações puras e o brilho da própria luz reluzem na aura do iniciado, que agora é um mestre.

Neste nível, é natural o trabalho de auxilio aos alunos do mestre recém formado, que ocorrem geralmente em deslocamentos e visitas aos alunos durante o sono.

É importante frisar que as capacidades avançadas do mestre ascensionado só ficam realísticamente disponíveis após a integração da décima segunda iniciação, quando alcançamos a ascensão a nível planetário.

Ao completar este sétimo nível de iniciação é importante lembrar que o iniciado está somente no final do primeiro nível iniciático. Segundo DK existem 352 níveis de iniciação a serem alcançados para chegar ao que é denominado Iniciação Cósmica ( cada um, sub-dividido em sete sub-niveis). E aqui cabe bem uma citação de Alice Bailey: “cada iniciação alcançada revela apensa iniciações ainda mais elevadas a serem alcançadas, e nunca vem o ponto em que o aspirante (seja ele um homem, um iniciado, um mestre, um choan ou um Buda) possa permanecer numa condição estática, incapaz de um futuro progresso”.

As portas que dão acesso ás iniciações nunca estiveram tão disponíveis em nosso planeta como na época atual. Podemos dizer que o convite à ascensão está sendo feito por Deus.
Para maiores informações sobre ascensão, trabalhos de ascensão e trabalhos para descobrir em que nível de iniciação a pessoa se encontra, entrar em contato com Joanita Molina ou Silvio Molina:


Quarto Raio.
Local: No Plano Etéreo, sobre Luxor, no Alto Egito
Chama: Branco Cristal
Atributos: Pureza, Ascensão, Esperança, Ressurreição
Chohans: Seraphis Bey e Lis, que atuam na dispensação deste raio em seu templo etérico sobre Luxor no Egito.
Músicas-chave: Sonho de amor e solicitude, de Franz Lizt.
Arcanjos: Gabriel e Esperança, que do seu templo etérico na Califórnia, nos EUA, sustentam o Plano Imaculado (o modelo divino) para a humanidade.
Música Chave: primeiro movimento de Parsifal, de Wagner.
Elohins: Claire e Astréa, os elohins da pureza, protetores do Plano Imaculado para toda a humanidade. Seu templo etérico fica sobre o Mar Branco, na Rússia, e sua música chave é Concerto para Piano em Lá Menor, de Grieg.


O Mestre Seraphis Bey é o Hierarca de Luxor, mentor de almas ascendentes nas aplicações do fogo sagrado e arquiteto de ordens sagradas, da vida interior e de cidades da era de ouro. É o disciplinador das forças da Luz, da Paz e da Liberdade Cósmica. Apresenta dons na realização de milagres. Chohan do Quarto Raio, foi Sumo Sacerdote no Templo da Ascensão na Atlântida e tem como principal característica a pureza, que revela a mais autêntica harmonia do amor. Seráphis encarnou como sumo sacerdote no templo da ascensão na Atlântida, há mais de 11.500 anos.


Ele foi o faraó egípcio Amenotep III, 1417-1379 a.C., chamado "o Magnífico". Ele levou o Egito ao seu auge, com prestígio diplomático, prosperidade e paz.

O Santuário de Luxor é conhecido no Mundo Espiritual como sendo o último estágio daqueles que conseguiram o total domínio dos seus corpos inferiores. Atravessar o portão de Luxor e entrar na eterna Liberdade é o objetivo de cada ser humano. A força motora para tanto encontra-se ancorada em cada corrente de vida.


Seraphis Bey foi Leonidas, o rei Espartano, para provar o que se pode conseguir por meio da disciplina. Em outra encarnação foi Fídias, o construtor do Partenon. Foi também o rei Davi e o profeta Isaías.

O amado Seraphis, grande iniciado da chama Materna, rege o dom da realização de milagres para os portadores de Luz da Terra. Seráphis ensina a viver a vida na plenitude do aqui e agora, e a ascender (acelerar) conscientemente para a realidade mais elevada que é a realidade eterna da alma.
O Mestre diz: "Diariamente recebeis uma certa quantidade do fogo sagrado. Conforme o uso que lhe dais, ele aumenta ou diminui. Ele é vosso por livre-arbítrio". " EU SOU Seraphis Bey em vós"





Raio Branco Cristal

Virtudes: Pureza, Ressurreição e Ascensão
Palavra Chave: O Grande Intermediário
Chakra: Básico (Base da Coluna Vertebral)
Som: Águas em Cascatas e Ondas do Mar
Perfume: Flores Brancas
Dia da Semana: Quarta-feira
Regência: Lua Símbolo: O Lírio
Virtudes Especiais - Fortes afeições, simpatia, coragem física, generosidade, devoção,rapidez de intelecto e de percepção.
O Quarto Raio abrange a Chama Branca da Pureza, a da Ressurreição, a da Ascensão e o Plano Imaculado . O Chohan do Quarto Raio, Mestre Serapis Bey, erigiu o Foco da Purificação e a Chama da Ascensão. Sob sua proteção está a atual Chama da Ascensão em Luxor, Egito, antes que o continente Atlântida submergisse nas águas do oceano. Manter a pureza do Plano Imaculado, readquirir e conservar as virtudes são os requisitos exigidos do discípulo, antes que possa alcançar, degrau por degrau, a vitória da sua ascensão. O Bem Amado Serapis Bey exige dos discípulos que aspiram à ascensão uma disciplina rigorosa, já que não é fácil obter a graça celeste após tantas reencarnações ocasionadas pelo mau uso das energias divinas. O Quarto Raio é a “Ponte” entre o reino interior da perfeição e a manifestação do Plano Divino no mundo da forma. As emanações de vida que pertencem a este raio, são geralmente, dotadas de talento artístico, com tendências para música, danças clássicas, canto, teatro de óperas, pintura, escultura e arquitetura. São quase sempre abençoadas com o poder espiritual e cheias de ânimo, bastante coragem e perspicácia, além de possuírem o dom de "penetrar e ver através das coisas
Vícios do Raio - Auto-centralização, implicância, falta de precisão no que faz, falta de coragem moral, fortes paixões, indolência, extravagância.
Virtudes a serem adquiridas - Serenidade, confiança, auto-controle, pureza, altruísmo, precisão no que faz, equilíbrio mental e moral.
tem sido chamado o "raio da luta", pois neste raio as qualidades de rajas (atividade) e tamas (inércia) estão tão estranhamente em igualdade de proporção que a natureza do homem do quarto raio é rompida com seu combate, e o fruto, quando satisfatório, é chamado de "Nascimento de Horus", do Cristo, nascido dos espamos da constante dor e sofrimento. Tamas induz a amar o lazer e o prazer, um ódio de causar dor chegando à covardia moral, indolência, procrastinação, um desejo de deixarem as coisas seguirem o seu curso, de descansar, e de não pensar no dia de amanhã. Rajas é ardente, impaciente, sempre apressado na ação. Essas forças constratantes na natureza fazem a vida uma guerra perpétua e sem descanso para o homem do quarto raio; o atrito e a experiência ganhos assim podem produzir uma evolução muito rápida, mas o homem pode da mesma maneira tornar-se tanto uma conversa fiada como um herói. E este o raio do audaz do líder da cavalaria, despreocupado dos riscos para si mesmo ou seus seguidores. É o raio do homem que conduzirá uma esperança perdida (pois em momentos de excitação o homem do quarto raio é inteiramente dominado por Rajas); do selvagem especulador e jogador, cheio de entusiasmo e planos, facilmente dominado pelo sofrimento ou fracasso, mas igualmente se recuperando de todos os revezes e infortúnios. Ele é predominantemente o raio da cor, do artista cuja cor é sempre grande, embora seu desenho seja muitas vezes deficiente (Watts era do quarto e do segundo raios). O homem do quarto raio sempre ama a cor, e pode generosamente produzí-la. Se não for preparado para ser um artista, um senso de cor certamente aparecerá em outras formas, na escolha de roupa ou de decorações. Na música, as composições do quarto raio são sempre cheias de melodia, e o homem do quarto raio gosta de sintonizar. Como escritor ou poeta, seu trabalho será muitas vezes brilhante e cheio de pitorescas palavras rebuscadas, mas mal acabado, cheio de exageros, e muitas vezes pessimista. Ele geralmente falará bem e terá um senso de humor, mas variará entre as conversas brilhantes e silêncios sombrios, de acordo com seu humor. Ele é uma pessoa muito agradável mas difícil para com ele se conviver. Na cura, os melhores métodos do quarto raio são a massagem e o magnetismo, usados com conhecimento. O método de se aproximar do Caminho será pelo auto-controle, assim ganhando equilíbrio entre as forças em luta da natureza. O caminho mais baixo e extremamente perigoso será o da Hatha Yoga.
Fonte: http://luzdanovaera-fraternidadebranca.webnode.com/a-g-f-b-u-/mestres-ascensos/serapis-bey/

Raio Rosa - Mestra Rowena




VIRTUDES — Amor, pureza, beleza, opulência, coesão.
DESENVOLVE — Amor divino, tolerância, adoração por tudo aquilo que o cerca. PERTENCE — Pacifistas e árbitros.
ARCANJO — Chamuel e Caridade.
ELOHIM — Orion e Angélica.
MESTRES — Lady Rowena e Paulo Veronezi.
CARACTERÍSTICAS NOS SERES NÃO EVOLUÍDOS: Amor carnal, excesso de sensualidade, libertinagem, desequilíbrio psíquico.

Este aspecto está sendo equilibrado pela ação de Krishna e Mihael do 15º Raio Rosa-Choque, que é uma divisão direta do 3º Raio Rosado.

A Mestra ROWENA é a responsável por este raio. Ele representa o Amor, tanto espiritual, como físico, adoração, beleza e fraternidade.
As pessoas que a ele pertencem amam a beleza em todas as formas de expressão e são amáveis e compassivas.
A Mestra Rowena está pronta para servir a todos que a procuram. Ela estimula, mantém e protege, não só os gênios que já conseguiram alcançar o topo da escada, como também, igualmente, os humildes aspirantes que acabam de colocar os pés no primeiro degrau, em direção á meta.

Ela guarda o símbolo da Liberdade. O Foco de Luz da Chama da Liberdade guardada pela Mestra Rowena situa-se no sul da França, em Chateau Liberté, no plano físico.
Sua música é a "Maseillaise", em prol da Liberdade, desde aquele tempo da libertação da França.
Invoque-a para fortificar relacionamentos afetivos e ativar a chama interior de sua alma gêmea. É a cor mais perfeita. Utilize-a sempre que necessitar emanar bons fluídos para alguém.

Paulo, o Veneziano, é o Senhor do terceiro raio, ligado, à energia do Amor. Seu trabalho é unir a beleza e a perfeição da alma por meio da compaixão, paciência, compreensão, autodisciplina e desenvolvimento das faculdades intuitivas e criativas do coração, com a alquimia do auto-sacrifício, abnegação e renúncia.

Sua função na Atlântida era cuidar dos assuntos culturais. Antes do afundamento do continente, ele estabeleceu um foco da chama no Peru, que mais tarde possibilitou aos incas produzirem sua próspera civilização. Posteriormente, ele encarnaria no Egito e trabalharia com El Morya, o mestre maçom, na construção de pirâmides.
Em sua encarnação final, viveu como Paolo Vêronese e tornou-se um dos maiores artistas da escola veneziana. Nasceu em 1528, e recebeu pouco treinamento formal na arte antes de iniciar seus trabalhos. Seu estilo era simples, sólido e sincero. Tomou-se um eminente decorador das construções de arquitetura ampla e igrejas, e também foi chamado de Pintor dos Pagãos.
Em 1562, recebeu a comissão por seu famoso Casamento em Canaã, que atualmente está exposto no Museu do Louvre. Além de sua magnificência como pintor, pouco se conhece sobre sua vida.


Invocação
“Em Nome de Minha Poderosa Presença EU SOU,
Invoco neste momento, aqui e agora; o raio Rosa Magnético de Deus através da Presença de nossa amantíssima Mestra Rowena, Elohin Orion e Arcanjo Samuel. Que nossas vidas sejam preenchidas com o
Amor Magnético de Deus, o Poderoso EU SOU; para que tudo o que tocarmos, seja transformado pelo Amor.
Que nossa vida , material, emocional e Espiritual seja abençoada por Vós, Grandes seres do Raio Rosa.
Com este Puro Amor, visualizamos neste momento, todo o Planeta Terra, sendo envolvido pela poderosa luz do Amor.
Que este sentimento preencha todos os vazios deixados por sentimentos de baixa vibração e traga paz aos corações dos que sofrem.
Peço à minha divina Presença EU SOU, que envolva as crianças deste Planeta, assim como, nossos animais que nos servem como apoio para nossa escalada Espiritual.”
“EU SOU o Amor envolvendo tudo na minha vida e em meu Planeta. EU SOU, EU SOU, EU SOU”. ( dizer 3 vezes)

quinta-feira, 30 de setembro de 2010

Raio Amarelo



MESTRE LANTO
Quando Kuthumi ascendeu juntamente com Jesus como instrutor do Mundo, Ele passou a direção ao Mestre Lanto. Este foi um importante Mestre que trabalhou por muitos anos irradiando o Raio Dourado na China.





24 DE SETEMBRO
ASCENSÃO DO MESTRE LANTO

Mestre LANTO é o Diretor do Segundo Raio da Grande Fraternidade Branca, Raio Dourado, e ensina a conseguir a liberdade através do conhecimento. Ele representa as qualidades divinas de iluminação, discernimento e compreensão.
Muitas das encarnações de Lanto foram na China, aonde está focada a chama da Iluminação que impulsiona esse país, e dele é irradiada para o mundo.
O Amado Mestre Lanto dedicou-se desde cedo manter acessa a Presença de Deus em seu coração e ancorou a Chama Trina nele. Ele ensina que esta chama de Amor, Sabedoria e Fé pode ser emanada como um suave raio através da mente. Ele deseja que todas as pessoas possam reconhecer a Chama da Verdade do Conhecimento e, assim como Ele, conseguir as nossas vitórias com Iluminação e sabedoria.
O Mestre Lanto fez parte do Grupo dos Anciões do Conhecimento e Ilumina com sua sabedoria a todos os estudantes que o procuram assim como o fez na Idade de Ouro na China. Ele é seguido pelo Mestre Confúcio de quem se diz que foi o seu Instrutor. Lanto se tornou Mestre estudando sob os cuidados do Mestre Himalaia. Hoje Ele é considerado o Mestre dos Mestres pois se dedica a ensinar a todos aqueles grupos e seres que peçam por orientação e Ele o faz com muito Amor.


ENCARNAÇÕES
Em outras encarnações Ele foi um Grande sacerdote na Lemúria (Continente que se acredita que tenha existindo na região do Pacífico), passou também pela Atlântida, e pela China sendo contemporâneo de Mestre Confúcio.
QUALIDADES DIVINAS
Ele faz descer o poder da precipitação do conhecimento através da palavra falada. Precipitar é uma atividade que representa a manifestação no plano físico daquilo que desejamos. Através desta atividade manifestamos a verdade de Deus que deseja nosso crescimento e a nossa riqueza seja ela espiritual ou material.
O Mestre Lanto nos ensina a arte da precipitação do conhecimento que leva à verdade: ela se efetua em conjunto atuando no chacra da coroa, que trabalha com o raio dourado representando o grau máximo de Iluminação, grau Búdico, e do chacra do coração, verde e rosa, quando canaliza seu ensinamento com amor.
A Chama da Precipitação é de cor verde chinês e dourado e representa a cor deste Raio: verdade pelo conhecimento. (Lembre que o 5° raio, raio verde claro traz a verdade pelo esclarecimento das situações).
Lanto se tornou Mestre de todos os estudantes sinceros que procuram encontrar a verdade para reencontrarem o caminho de regresso ao lado de Deus. Pelo uso do Raio Dourado Ele conduz a todos os estudantes que desejam se unir ao trabalho conjunto de Mestres e discípulos e dar continuidade ao trabalho iniciado pelo Amado Mestre Sanat Kumara com a criação de Shamballa e a precipitação da Luz na Terra num momento de extrema escuridão. O Seu mantra Fiat, Lux!, foi o grande começo da evolução terrena.


Aproximadamente em 1958, este Amoroso Mestre recebeu do Ascenso Mestre Kuthumi o Cargo de Diretor do Segundo Raio. De acordo com a Hierarquia Cósmica, Confúcio está sendo preparado para ser seu sucessor e o mestre Kuthumi se tornou Instrutor do Mundo ao lado do Mestre Jesus.


INVOCAÇÃO AO MESTRE LANTO
Para Iluminação
EU SOU o poder da Poderosa Presença EU SOU em mim:
meu corpo, minha mente e meu coração
são tocados e iluminados pelo poder
da Luz da Sabedoria do Raio Dourado.
Eu expando, expando, expando
esta Luz e ela preenche
minha casa, minha família
e a todos os que precisam dela
para que a Perfeição se manifeste.
Amado Mestre Lanto
possa eu, humildemente
e junto com os Seres de Luz
co-criar um Universo de Luz e de Paz.
EU SOU (3x)